Conhece os tipos de concreto ideais para sua obra? Fizemos uma lista dos mais utilizados nos principais projetos de construção civil!

 O concreto é um dos insumos mais importantes em qualquer projeto de construção civil. Ele é feito a partir do cimento Portland, água, agregados miúdos e graúdos. Pode haver ou não componentes adicionais, como aditivos químicos e pigmentos. Sendo assim, quando outros componentes são agregados, suas propriedades são alteradas. Então, surgem diferentes tipos de concreto.

Cada variedade tem sua aplicação e características que a tornam ideias para diferentes tipos de projetos. Neste post, vamos compartilhar com você as principais alternativas disponíveis!

Concreto convencional

É o mais amplamente utilizado na construção civil, sendo bastante versátil em suas aplicações. Tem um aspecto mais seco e precisa de equipamentos vibratórios para ser adensado. Pode ser feito na betoneira ou de modo manual. Dessa forma, ele é aplicado no solo, em fundações, formas, etc. Também pode ser facilmente transportado em caminhões, carrinhos de mão, elevadores, caçambas, entre outros meios. Porém, não permite bombeamento.

Concreto bombeável

Tem uma consistência mais liquida e, como o nome sugere, pode ser bombeado em tubulações até o local de aplicação. Afinal, é muito utilizado em obras verticais.

Concreto armado

Direcionado a grandes obras da construção civil, são adicionadas armações de aço à mistura para elevar seu grau de resistência. Por isso, é comum em diferentes tipos de estruturas, como pilares, lajes e vigas.

Concreto protendido

Consiste no uso de cabos de aço de alta resistência no concreto (ancoramento). Sendo assim, é usado na fabricação de pré-moldados e no reforço de estruturas. 

Concreto leve

Devido à sua baixa densidade, pode ser utilizado para regularizar superfícies, fabricar blocos, encher lajes e envelopar tubulações. Afinal, tem a capacidade de conservar temperaturas e isolar sons.

Concreto pesado

Ao contrário do modelo anterior, tem uma densidade maior, sendo 50% mais pesado que o concreto convencional. Por isso, é utilizado câmaras de raios-x, gasodutos e outros projetos que produzem energia atômica.

Concreto rolado 

É aplicado com rolos compressores visto que utiliza pouco cimento e é mais difícil de trabalhar. Dessa forma, é utilizado em camadas inferiores a pavimentações urbanas, barragens e estacionamentos. Por cima, vai uma camada de emulsão asfáltica para impermeabilização.

Concreto de alta resistência 

Este tem uma resistência muito maior que as demais alternativas. Por isso, é ideal para pilares, vigas e fundações. Por alcançar alta resistência com um volume menor, gera maior economia no projeto. Sendo assim, sua produção é complexa com base em estudos granulométricos para reduzir seus componentes.

Concreto Auto-adensável

Esse tipo de concreto é caracterizado por sua alta fluidez e alta resistência a segregação de materiais.  Ele tem a capacidade de se mover e preencher as fôrmas devido ao seu peso, assim, dispensando o uso de vibradores de moldagem.

Gostou de saber mais sobre os diferentes tipos de concreto? Então, assine nossa newsletter e continue conectado ao nosso conteúdo!