Você conhece os diferentes tipos de solos, importantes para a construção civil? Fizemos uma lista de alguns deles. Saiba mais!

O solo constitui uma base importante para qualquer construção, uma vez que os tipos de solos determinam como serão feitas a fundação, a estrutura, entre outros aspectos. Por isso, é importante conhecê-los bem. Então, entenda melhor suas características!

Solo argiloso

O mais comum no país, é muito utilizado para a fabricação de peças como pisos, telhas, tijolos e azulejos, sendo o vermelho a cor características.

Como sua capacidade de aglutinação é muito grande, forma lama com facilidade. Por isso, ao construir sobre esse tipo de solo, é importante fazer um estudo prévio.

Arenoso

São constituídos principalmente de areia. Por isso, tem pouca coesão, se desfazendo com facilidade. Também é altamente permeável. 

Construir sobre um terreno arenoso é um grande desafio, exigindo estacas bem profundas. É comum em orlas de praias.

Siltoso

É visto como um solo ruim, alocado entre o arenoso e o argilo em uma escala de qualidade. Não é recomendado para construção, mesmo com uma fundação mais profunda.  

Quando molhado, não tem a mesma plasticidade do solo argiloso. Além disso, existe o risco de erosão e desagregação .

Orgânico

Formado por matérias orgânicas, como restos de animais e vegetais em decomposição, além de microrganismos. Nesse tipo de solo também chamado de terra preta encontramos o húmus, que proporciona muita fertilidade ao solo. Por isso, é muito utilizado na agricultura.

Entender a formação e os tipos de solos é fundamental para um projeto seguro, resistente e bem-sucedido. Desde a fundação, a construção foi um sucesso.

Gostou de saber mais? Então, assine a nossa newsletter para continuar recebendo nosso conteúdo.